Bianca, 18, Araras/ Águas de São Pedro, Gastronomia, Livros, Filmes.
message
archive
theme
lawebloca:

[Video]
Do amor e da cachaça sempre dizemos nunca mais. Mas só enquanto dura a ressaca.
written by Cau Nunes. (via depresivar)

(Source: porredesaudade, via whenthewordsfailthemusictalk)

Hoje eu deixei a barba exatamente do jeito que você gosta, daquele que te causa arrepios quando sentes colada em teu rosto. Eu poderia ser presunçoso e dizer que as possibilidades de você resistir são zero, mas sem querer contar vantagem antes da hora, apenas digo: espere-me em um tom misterioso.

Assinarei teu corpo com minha boca, espalhando diversas rubricas de cima a baixo, de baixo a cima. Hoje, te despir com os olhos não será suficiente. Não. Nossos olhos, na verdade, permanecerão maior parte do tempo fechados, já que nossa sintonia nos permite administrar nossos movimentos sem sequer nos olharmos.

Prepararemos uma sinfonia esta noite, entre gritos e gemidos, graves e agudos, seus vizinhos decorarão nossos nomes, seu bairro terá a certeza que antecipamos o ano novo e o apocalipse acontecerá no endereço da sua casa, mais propriamente em teu quarto.

Pegarei-te de jeito, realizarei teus desejos, espantarei tuas incertezas e prolongarei nossas vontades. E com vontade! Esta noite será marcada como o ápice da nossa relação.

Escreveremos nossa história com marcas de maquiagem e roupas pelo chão. Nossa introdução serão os beijos no pescoço, daqueles que nos fazem querer pular direto para o clímax final. O decorrer da nossa trama serão os amassos no seu sofá, o andar pelo corredor, a subida pela escada, os encontros com a parede e finalmente a chegada ao teu quarto. Nosso clímax será propriamente o apocalipse e o desfecho serão os segredos guardados entre as dobras do teu lençol.

Faremos tudo àquilo que você jurou nunca fazer. O tesão será soberano. A racionalidade será abafada pelo desejo e a promiscuidade não será nada além de uma palavra besta. Nosso amor será refletido em nossas indecências e transmitido no contato entre nossas peles.

Hoje vamos nos amar.


written by http://isabelafreitas.com.br/2013/12/05/uma-cronica-de-arrepiar/ (via reescrevendoisabelafreitas)

Ainda não terminei de gostar de você.


written by Gabito Nunes (via ga-bi-to)

(via papi-vuelveme-loca)